Imagem capa - PRÊMIO PROJETO FOTO FEMININA LEICA 2020 por gilson lorenti
Fotografia

PRÊMIO PROJETO FOTO FEMININA LEICA 2020

A palavra da década é inclusão. As pessoas começaram a perceber que existem grupos que estão fora de categorias da cadeia produtiva e esses grupos começaram a se organizar e a exigir participação. No Brasil temos leis de cotas que foram criadas nas últimas décadas e no mundo inteiro algumas ações visão a inclusão de alguns tipos de grupos. No que tange a fotografia, podemos afirmar claramente que se trata de uma profissão de maioria masculina, embora isso tenha mudado muito nos últimos anos. Pelo menos aqui no Brasil podemos afirmar e conferir a existência de um número elevado de grandes fotógrafas que esbanjam talento. Eu tive várias alunas nos últimos tempos que se tornaram ótimas profissionais, principalmente no que tange a fotografia de eventos e de família.


Mas, qualquer ação que vise a divulgação da fotografia feita por mulheres é muito bem vinda. Por isso que fico muito animado com a segunda edição do Prêmio Projeto Foto Feminina da Leica. Existem vários concursos que são criados e ficam apenas na primeira edição. Quando um deles consegue avançar é muito proveitoso para todos os fotógrafos. A primeira edição, que aconteceu em 2019, teve como vencedoras Debi Cornwall, Yana Paskova e Eva Woolridge.


A proposta é simples. A Leica vai ajudar você a concluir um projeto pessoal que use a perspectiva feminina sobre algum tema como motor principal. Para isso, a empresa vai premiar três fotógrafas com US $ 10.000 e uma câmera Leica Q2.  Um prêmio muito legal para quem está querendo finalizar o seu projeto. Infelizmente, e isso é uma coisa negativa, o concurso está disponível apenas para mulheres residentes legais nos Estados Unidos. Se você se enquadra nessa categoria, então é necessário entrar no site da competição e enviar as seguintes informações: Título do Projeto; Dez imagens, das quais pelo menos quatro foram criadas em 2019 ou 2020; breve descrição do projeto, incluindo o tópico social, cultural, ambiental ou político que representa; cronograma do projeto; biografia do artista; resumo da intenção de uso do prêmio em dinheiro, pois a verba deve ser utilizada para finalização do projeto.


Segundo  Kiran Karnani, diretor de marketing da Leica Camera North America, "A pandemia COVID-19 desafiou a forma como interagimos com pessoas e lugares, muitas vezes resultando em um hiato de trabalhos e projetos fotográficos. Com o Prêmio Leica Women Foto Project deste ano, pretendemos possibilitar a realização de um projeto pessoal expresso através da perspectiva feminina, proporcionando um catalisador para uma conversa sobre resiliência, diversidade e coragem para ver por uma nova lente.”


Então é só escrever tudo bonitinho e participar dessa grande disputa.